Foi em 1940 que Walt Disney concretizou a sua ideia de aliar a animação à música erudita ( conhecida por muitos como clássica, mas de forma errada, uma vez que esta apenas diz respeito a um período da história). Walt pretendia com este novo conceito, realizar uma nova forma de arte... mostrar a música erudita com imagens.

 

 Mas nem os críticos da época, nem o público em geral, aceitaram esta nova ideia. Acharam o filme  pretensioso , monótono e acusaram o autor de querer representar a música com imagens. Não queriam ver Beethoven associado a imagens de animação...

Mas a história veio a revelar que era este o caminho a tomar.  Anos mais tarde, quando o filme foi de novo lançado em 1990 foi um sucesso, e tornou-se num dos mais vendido de todos os tempos. 

 

Walt Disney  para a sua  "Fantasia" escolheu vários compositores: Beethoven, Bach,  Tchaikovsky, Paul Dukas , Stravinsky ,  Ponchielli , Schubert e Mussorgsky  .

 

 De Tchaikovsky foi escolhida a  Suite Quebra-Nozes.  Disney e o maestro que trabalhava com ele, Leopold Stokowski associaram a esta peça, não os brinquedos, como na versão original, mas elementos da natureza que simbolizam as estações do ano.

 

 

 

publicado por ProfZ às 09:32 |

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

"A música está em tudo.

Do mundo sai um hino."

(Victor Hugo)

mais sobre mim
pesquisar no blog
 
arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

RSS
SAPO Blogs