Sem palavras...

Apenas a referência à banda sonora original de Nick Fevola, onde são (muito bem) integrados os sons do meio ambiente.

 

 

publicado por ProfZ às 08:33 |

 

"Zadok the Priest" (Zadok, o Sacerdote), foi uma obra composta por George Haendel (1685-1759) para a cerimónia de coroação de Jorge II de Inglaterra, em 1727.

 

Em 1992 a UEFA encomendou ao compositor britânico Tony Britter, um hino para a Liga dos Campeões. O objectivo era desenvolver uma banda sonora que transparecesse o espírito futebolístico, para figurar em todas as transmissões da UEFA, Liga dos campeões.

Tonny Britter  decidiu então,  adaptar a  grandiosa obra de Haendel, o Hino da Coroação, "Zadok the Priest".

 

Pois é... Hoje o Hino da Liga dos Campeões tem um texto original,  é cantado nas três línguas oficiais da UEFA, francês, alemão e inglês, mas musicalmente é uma adaptação de um hino do século XVIII.

 

Ouvir aqui a versão original de "Zadok the Priest" de Haendel.

publicado por ProfZ às 08:30 |

 

Em Portugal ,são muitas vezes uma autêntica dor de cabeça para os novos estudantes universitários.  São muitas vezes  brincadeiras de mau gosto, que não têm nada de dignificante ou positivo e algumas vezes com resultados lamentáveis.

Fica aqui um excelente exemplo de integração académica, muito musical, divertida e sem dúvida com um  resultado fantástico.

Este vídeo foi gravado em 2h e 15m durante a primeira semana de aulas de uma Universidade de Montréal, no Canadá, e teve a participação de 172 alunos de um curso de Comunicação.

Ao som de "I gotta feeling" dos Black Eyed Peas, um exemplo a seguir...

 

 

publicado por ProfZ às 10:18 |

 

Sempre que que peço aos meus anjinhos (leia-se... alunos ehheh!)  para enumerarem compositores de música erudita, só sabem dizer um... Mozart. Bem, com um bocadinho de esforço, algumas dicas, lá dizem... Beethoven, mas ficam por aí.

Isto significa que vou ter muuuuuuuuito que trabalhar nestes dois anos...

 

Por isso, aqui fica mais um nome... Brahms.

 

Johannes Brahms (1833-1897) foi um compositor alemão, um dos mais importantes do Romantismo musical, no século XIX.

Estudou piano desde muito novo, e tocava em bares à noite com o pai que era violinista, adquirindo assim muita experiência como músico.

Compôs muitas obras instrumentais mas não se interessou pela ópera nem pelo ballet. Muitos musicólogos afirmam que muitas das obras de Brahms foram destruídas por ele próprio, sob o pretexto que não estavam bem, por alguma razão. Mesmo assim, deixou-nos uma vasta obra.

 

 A sua obra "Dança Húngara nº5" com enorme influência dos temas folclóricos da Hungria,  foi actualmente utilizada num Remix de Pompon Finkelstein e Criistophe Couderc, que por sua vez foi popularizada por um anúncio de um automóvel que  sendo um transformer, deslizava pelas estradas...

 

 

publicado por ProfZ às 18:39 |

 

Criado pela Unesco, em 1975, este dia pretende homenagear compositores, músicos e todos aqueles que apreciam música, nas suas mais diversas formas.

 

 

O Dia mundial da Música,  ilustrado por grandes apreciadores de música e do mundo dos sons... alguns dos meus anjinhos! (porque não cabem aqui tooooooooooooodos!!!)

 

 

Marta Freitas 5ºB

 

David Silva 5ºB

 

João Montêz 5ºB

 

Ana Salomé 5ºB

 

Ana Catarina 5ºB

 

 Miguel Branco 5ºB

publicado por ProfZ às 14:28 |

"A música está em tudo.

Do mundo sai um hino."

(Victor Hugo)

mais sobre mim
pesquisar no blog
 
Escreva-me

arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

Visitas
cool graphics
RSS
blogs SAPO