Confesso que não sei o que os intervenientes neste vídeo dizem, mas como a música é uma linguagem universal... vemos os gestos e ouvimos a música.

Bom, para além disso, entendemos muito bem as exclamações da assistência:

Ahhhhhhhhhhhh!!!!...

Ohhhhhhhhhhhh!!!....

Trata-se de um concurso da TV japonesa, e esta equipa teve um participação cheia de imaginação.

A melodia apresentada  é o tema do coral da 9º Sinfonia de Beethoven (1770-1827), que ficou conhecido por "Ode à alegria". Esta sinfonia é considerada  por muitos a obra-prima do compositor e foi composta em 1824, quando Beethoven já estava surdo.

 

 

publicado por ProfZ às 09:31 |

 

Aprendi com as primaveras a me deixar cortar para poder voltar inteira.

 

Cecília Meireles (1901-1964), poetisa, professora e jornalista brasileira

publicado por ProfZ às 09:13 |

O humorista Rowan Atkinson, o famoso Mr Bean, "executa" uma obra para piano de Beethoven (1770-1827): o primeiro andamento da Sinfonia Patética.

 

 Apesar da seriedade do papel que desempenha, não perde a sua graça.

 

publicado por ProfZ às 09:10 |

Este foi o título que o autor deu a esta composição, interpretada com objectos do quotidiano. Muito engenhosa... e original.

 

 

publicado por ProfZ às 08:58 |

A propósito do post anterior (ainda não descobri a melhor forma de dizer isto em português), recordei um intérprete que canta este tema de uma forma fantástica.

Sou fã de Bobby Mcferry, aliás, cá em casa somos todos!

 

O tema D'ont worry, be happy, interpretado por este músico, acompanhado de vozes... apenas.

 

 

publicado por ProfZ às 09:06 |

 

Para quê levar a vida  sem um sorriso???

As contrariedades da vida, os colegas mal dispostos, ou até aquele amigo cheio de.. azia...não são razão para aborrecimentos... nada disso!

Aprendam com estes pequenos...

 

 

publicado por ProfZ às 08:57 |

 

O coro que fez o anúncio do Honda Civic utilizando apenas  vozes, fez  também vários trabalhos para filmes, e este vídeo apresenta um pequeno excerto de um dos seus concertos. Trata-se de uma sonorização de imagens, mais uma vez, apenas com sons vocais sob a direcção e composição de Steve Sidwell.

O resultado é sempre impressionante... 

publicado por ProfZ às 09:24 |

Há pessoas que choram por saberem que as rosas têm espinhos.

 

Outras há que sorriem por saberem que os espinhos têm rosas. 


(Autor desconhecido)

publicado por ProfZ às 09:10 |
sinto-me: Muito sorridente!

 

Hurra Torpedo é um grupo norueguês um pouco... bizarro, que utiliza  instrumentos de percussão um pouco estranhos... executados também duma forma invulgar.

 

É composto por três músicos que, para além de utilizarem as vulgares guitarra e baixo eléctricos, utilizam também panelas, frigoríficos, fogões e muitos mais utensílios de cozinha. Eles próprios se intitulam "a única banda de rock de cozinha do mundo".

Utilizam como temas principais, músicas contemporâneas conhecidas, e o resultado é bastante curioso, até porque a sonoridade é agradável... apesar da visível destruição dos "instrumentos" utilizados.

Esta banda tornou-se conhecida e foi um enorme sucesso, quando o vídeo seguinte foi divulgado na net, em 2005, apesar de a sua gravação ter já uns anos.

Depois disto ficou conhecida mundialmente porque participou numa campanha polémica da Ford para divulgar o Ford Fusion.

Nesta campanha, a banda utilizou um Ford Fusion para se deslocar durante um mês numa tornée pelos Estados Unidos. Foram gravadas muitas cenas das suas viagens e divulgadas na net, como sendo verdadeiras. Mas tudo não passava de encenações, pagas pela Ford, apenas com um objectivo: a publicidade dissimulada do seu novo carro.

Quando as verdadeiras intenções dos vídeos foram divulgadas, houve um enorme polémica, mas a banda ficou a ganhar, principalmente em publicidade. 

 

Hurra torpedo interpretando um tema de Bonnie Tyler, “Total eclipse of the heart”

 

 

publicado por ProfZ às 10:02 |

 

Sea Organ of Zadar é uma obra arquitectónica de Nikola Bašić que se encontra em Zadar, na Croácia desde 2005. Trata-se de um instrumento original, semelhante ao órgão da igreja, produzindo melodias e harmonias (sons em simultâneo).
São  degraus cravados nas rochas que têm no seu interior um sistema de tubos que,  pelos movimentos do mar, forçam o ar e, dependendo do tamanho e velocidade da onda, criam sons de forma aleatória, ou seja sem uma sequência e duração predefinida.

O resultado é bastante agradável, com uma sonoridade original que proporciona muita paz. Bastante melhor que a árvore musical, em Inglaterra ...
Onde a imaginação do homem e as potencialidades da natureza se abraçam.  
 

 

publicado por ProfZ às 09:18 |

"A música está em tudo.

Do mundo sai um hino."

(Victor Hugo)

mais sobre mim
pesquisar no blog
 
Escreva-me

arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

Visitas
cool graphics
RSS
blogs SAPO