Foi em 1940 que Walt Disney concretizou a sua ideia de aliar a animação à música erudita ( conhecida por muitos como clássica, mas de forma errada, uma vez que esta apenas diz respeito a um período da história). Walt pretendia com este novo conceito, realizar uma nova forma de arte... mostrar a música erudita com imagens.

 

 Mas nem os críticos da época, nem o público em geral, aceitaram esta nova ideia. Acharam o filme  pretensioso , monótono e acusaram o autor de querer representar a música com imagens. Não queriam ver Beethoven associado a imagens de animação...

Mas a história veio a revelar que era este o caminho a tomar.  Anos mais tarde, quando o filme foi de novo lançado em 1990 foi um sucesso, e tornou-se num dos mais vendido de todos os tempos. 

 

Walt Disney  para a sua  "Fantasia" escolheu vários compositores: Beethoven, Bach,  Tchaikovsky, Paul Dukas , Stravinsky ,  Ponchielli , Schubert e Mussorgsky  .

 

 De Tchaikovsky foi escolhida a  Suite Quebra-Nozes.  Disney e o maestro que trabalhava com ele, Leopold Stokowski associaram a esta peça, não os brinquedos, como na versão original, mas elementos da natureza que simbolizam as estações do ano.

 

 

 

publicado por ProfZ às 09:32 |

"A música está em tudo.

Do mundo sai um hino."

(Victor Hugo)

mais sobre mim
pesquisar no blog
 
Escreva-me

arquivo
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

Visitas
cool graphics
RSS
SAPO Blogs